sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Ação de petistas é 'medo' de Rui de enfrentar ACM Neto, afirma Heraldo Rocha

Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias


O presidente do diretório de Salvador do Democratas (DEM), Heraldo Rocha, classificou como “piada” a ação dos deputados federais petistas Robinson Almeida e Afonso Florence contra o prefeito ACM Neto. Eles acusam o democrata de crime de responsabilidade e campanha antecipada por causa da viagem que o gestor fez ao interior do estado na semana passada. Para Rocha, a medida demonstra “medo” de que Neto seja candidato a governador. "É o grande pavor deles, que o governador Rui Costa tenha como adversário o melhor prefeito do Brasil. Aí farão de tudo para tentar ganhar no tapetão. Coisa de quem não tem musculatura política e eleitoral para fazer o enfrentamento no momento certo", criticou. Ainda segundo presidente municipal do DEM "não há nada que impeça o prefeito de Salvador de viajar ao interior”. “Ele só precisa pedir licença à Câmara em caso de afastamento por mais de 15 dias. A Lei Orgânica do Município é claro sobre isso", afirmou. Heraldo também recomendou aos deputados que proponham mudanças na legislação. "Poderiam, por exemplo, apresentar um projeto de lei impedindo os prefeitos de todo o Brasil de viajarem. Ou premiando com hora extra aqueles que trabalham muito, de noite ou de dia, nos finais de semana e feriados, como é o caso de ACM Neto”, defendeu.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers