sexta-feira, 16 de junho de 2017

FILADÉLFIA - Bahia: Justiça Federal solicita informações ao prefeito Louro Maia.


Tendo em vista o alto valor que a gestão do ex-prefeito Barbosa Júnior recebeu faltando poucos dias para o final de sua gestão, valor que ultrapassava a casa dos R$ 11 milhões (precatórios Fundeb), o Ministério Público Federal e a Procuradoria da República em Campo Formoso, encaminharam ofício ao prefeito de Filadélfia, Louro Maia, solicitando informações, com vistas a apurar supostas irregularidades referentes a utilização de recursos proveniente de ação judicial referente a diferença de repasse ao FUNDEF. Em resposta ao Ministério Público Federal, o prefeito Louro Maia encaminhou extrato de movimentação relativo a movimentação financeira efetuada em conta, agência Banco do Brasil. Diante da falta de informações e documentação que não teriam sidos deixados pela gestão passada, a exemplo dos processos licitatórios e processos de pagamento, o gestor atual informou ao MPF não dispor da documentação, uma vez não encontrados em sua gestão, conforme certidão assinada pela Polícia Civil, aonde foi atestado no dia 02 de Janeiro 2017 mediante registro de ocorrência. O prefeito Louro Maia também respondeu que no momento não tinha como prestar mais dados, antes a falta de transição de governo que não teria acontecido, bem como a situação de ausência dos procedimentos licitatórios no setor responsável, bem como os de dispensa e inexigibilidade de licitação. Diante de informações postadas no diário oficial dos municípios, aonde no final da gestão do ex-prefeito, Barbosa Júnior, algumas empresas foram contratadas, o gestor atual anexou toda postagem e encaminhou para o MPF. Por ivansilvanoticia (Fonte).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers