sábado, 6 de maio de 2017

Felipe Moura Brasil : "Lula é o comandante máximo da destruição de provas"

 costas de Bolsonaro
Lula tenta fugir nas costas de Bolsonaro

Assista à análise de Felipe Moura Brasil com edição especial dos depoimentos de Renato Duque e Léo Pinheiro sobre as ordens de Lula.




Lula tenta fugir nas costas de Bolsonaro

No mesmo discurso em que atacou João Doria e declarou guerra à Rede Globo, ameaçando "regulamentar" meios de comunicação e mandar prender jornalistas, Lula vociferou também contra a Lava Jato e Jair Bolsonaro.
"Vamos ver o que está acontecendo no Brasil", disse o comandante máximo. "De um lado, há um processo da Operação Lava Jato, que quer destruir a política desse país, passar para a juventude a ideia [de] que a política não presta."
"Política" é como Lula chama a Orcrim.
"E quando eles faz [sic] uma pesquisa, o resultado dessa tese é o crescimento de um fascista chamado Bolsonaro na pesquisa de opinião pública."
Lula não fala da juventude à toa. Segundo o Datafolha, 20% dos eleitores de Jair Bolsonaro são jovens entre 16 e 24 anos. É a faixa etária em que o deputado pontua melhor na pesquisa presidencial.
Para fugir para o Palácio do Planalto, como já afirmou O Antagonista, Lula reza por adversários como Bolsonaro, acreditando que facilitará o trabalho de polarização a seu favor.
Em reação, o deputado apenas enviou o trecho em vídeo do discurso de Lula à sua lista de contatos, com a seguinte frase:
"Lula não pode chamar Bolsonaro de corrupto, logo chama-o de fascista."

Procura-se líder no Brasil


O Estadão publicou um editorial sobre "a falta de lideranças" no Brasil de hoje.
Leiam, por favor, este trecho:
"A democracia, em seu funcionamento mais pleno, necessita de lideranças fortes e esclarecidas, capazes de aglutinar sentimentos, representar vontades, promover consensos e levar adiante projetos que ultrapassem os interesses particulares. Na verdade, um dos primeiros sintomas da ausência de líderes é o esmaecimento da democracia, com o alheamento da população em relação à coisa pública.
Quando segmentos cada vez mais numerosos da população gritam que não estão representados no Congresso, não são apenas as instituições que apresentam trincas. É a própria Nação – a sociedade, como querem alguns – que não está sendo capaz de regenerar o tecido de seus órgãos vitais. Pois não são apenas as instituições nem tampouco os procedimentos abstratos que fazem a democracia. São as pessoas que constroem e viabilizam esse regime onde não há soberanos nem cidadãos de segunda categoria. Dessa igualdade fundamental de todos perante a lei não decorre, porém, um igualitarismo de funções, como se todos devessem ter idêntico papel na máquina social. A alguns, com talento e formação adequados, movidos por genuíno espírito público, cabe exercer funções de liderança.
O País não pode fingir que não sofre dessa deficiência."
O Brasil precisa de vocês, leitores antagonistas.



Doria esfrega carteira de trabalho em Lula: "Além de mentiroso, é um desinformado"


João Doria rebateu Lula em vídeo nas redes sociais.
O "Nine" havia atacado o prefeito em seu discurso na noite de sexta-feira:
"Um almofadinha, um coxinha ganha as eleições em São Paulo se fazendo passar junto ao povo mais humilde por João Trabalhador", disse Lula. "Se encontrarem com ele por aí, perguntem se ele já teve uma carteira profissional assinada."
Doria exibiu a carteira e disse que trabalha desde os 13 anos para ter um patrimônio moral que o comandante máximo não tem.
"Ô Lula, você além de mentiroso, além de covarde, é um desinformado", disse o prefeito. "Meus filhos têm orgulho de mim porque o pai trabalha, o pai não rouba."
Assista.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers