terça-feira, 16 de maio de 2017

A incompetência do governo do PT, torna mais difícil a crise hídrica na Bahia


A maior crise hídrica de todos os tempos e a péssima gestão da Embasa


A Bahia está vivendo uma das maiores crises hídricas de sua história. E como sempre, o semiárido, já calejado como secas e mais secas seguidas, sofre bem mais. E todos nós sabemos que governos não tem o poder de fazer chover. No entanto, tem os recursos, pra trabalhar, fazendo com que o homem, se adapte e possa enfrentar a estiagem, especialmente com a construção de reservatórios. No entanto, em 3 governos do PT na Bahia, bacias hídricas, como a do Itapicurú Açu e do São José, sofrem, amargamente, sem ações fortes do governo petista. Além do governo federal, que age também de forma incompetente, sempre com ministros sem nenhum preparo no ministério de minas e energia, que são apenas apadrinhados políticos.

Aqui na Bahia, programas demagógicos e marqueteiros, como a construção de cisternas, são quase inúteis, pois, se não chover, cisternas não tem utilidade nenhuma! O que esperamos do governo de Rui Costa é que caia na real, e comece a ver o problema como ele é - muito grave! Há anos, vive ludibriando o povo de Ponto Novo e região, prometendo ampliar a barragem daquela cidade e nunca faz. Além disso, Queimadas, Santaluz e outras cidades sofrem por causa da crise. No entanto, apenas tiraram algumas caçambas de terra da barragem de Queimadas, sem ampliá-la um milímetro sequer! Este governo, que segue outros dois do seu antecessor Wagner, não constrói um açude, uma barragem nova, ou sequer, ampliou alguma das que achou prontas. A piada, ridícula, foi ver o Inema e sem lá mais quem, vir no Rio Itapicuru quebrar pequenas barragens, que os ribeirinhos fizeram com tanto sacrifício, como se isso fosse o problema ou fosse resolver! A incompetência, com que os órgãos estaduais tratam a crise hídrica é revoltante. A Embasa tem uma de suas piores gestões de todos os tempos e se mostra incapaz de resolver os problemas.

Agora prestes a anunciar um novo aumento de tarifa, fazem um racionamento incomunidade, na comunidade do Espanta Gado, e o povo fica sem água. É inadmissível, como a Embasa tem subido as tarifas nos últimos tempos. Além disso, ao que parece, sua assessoria de comunicação é completamente inútil, pois não avisa os moradores e fazem racionamentos, sem sequer dar uma satisfação. Um gerente que não se comunica e se sente um imperador, chegando e mandando diminuir a água, sem dar satisfação. Um absurdo, que ele sabe muito bem que fera, além dos direitos do consumidor, as leis universais da água e os direitos humanos. 

Gostaríamos de saber, que medidas reais o governador e seus secretários, estão tomando pra amenizar essa crise? Quando vão ampliar a barragem de Queimadas e Ponto Novo? Quando construirá um açude de grande capacidade nessa região? Todos sabemos que não podemos mais contar com o rio como antigamente! 

Apenas pegaram as barragens prontas, de governos anteriores e foram distribuindo pra diversas cidades, quando claramente se sabe que a bacia do Itapicuru não dá conta. Queremos novas barragens e queremos que a nova tarifa de água seja revogada, pois estamos a cada dia com menos água nas torneiras!

E aqui vão mais perguntas: Onde estão os deputados de oposição? Não temos oposição na Bahia? Quando vão vender essa empresa que só recebe críticas dos baianos? Chega de estatais ineficientes! Que vendam a Embasa pra um grupo que invista em saneamento de verdade e em novos reservatórios!

Nós do semiárido, não suportamos mais, tanto descaso com os problemas do sertanejo!
Chega de ficar mantando cisternas pra sindicatos fazerem politicagem e contemplar apenas que lhes interessa! Queremos políticas públicas de combate a seca, de verdade e não apenas joguinhos políticos de sindicatos pelegos...

Da Redação C7 notícias...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers