terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Seca na Bahia: em Itiúba DNOCS pede reforço da Polícia Federal a fim de evitar prejuízos após manifestação no Açude do Jacurici

  Açude do Jacurici
Seca na Bahia: em Itiúba DNOCS pede reforço da Polícia Federal a fim de evitar prejuízos após manifestação no Açude do Jacurici

Briga por água


Diante das ameaças de políticos e ribeirinhos do Açude de Jacurici, em Camandaroba, no distrito de Rômulo Campos, em Itiúba, a fim de não permitir que as comportas sejam abertas para abastecer de forma emergencial as cidades de Queimadas e Santaluz, o diretor do DNOCS Bahia, Heraldo Rocha, solicitou o reforço da Polícia Federal para garantir a preservação do patrimônio público.“O açude é um patrimônio público. Existem duas cidades em colapso hídrico – Queimadas e Santaluz – e existe reserva do Açude de Jacurici. O governo da Bahia solicitou a abertura das comportas emergencialmente e só o fizemos depois que a Embasa recuperou o canal, a fim de não desperdiçar a água, o que foi feito. O açude tem mais de 87% de capacidade de armazenamento. São quase 150 milhões de metros cúbicos de água e não seríamos irresponsáveis em liberar a água se fosse secar o açude. Agora, essa ação está sendo usada politicamente na área e não vamos aceitar. Como também não vamos aceitar que, tendo reserva hídrica, 70 mil pessoas de Queimadas e Santaluz passem sede”, garantiu Rocha. Ele disse que qualquer dano causado ao patrimônio será de responsabilidade dos que estão à frente das manifestações. Nesta segunda-feira (20), segundo o DNOCS, integrantes do movimento invadiram a área federal, danificaram equipamentos que controlam a abertura das comportas e atearam fogo na entrada do órgão impedindo a entrada e saída de servidores.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers