quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Em post de 2016, filho de Teori Zavascki sugere possíveis atentados à família

Foto: Reprodução / Facebook Francisco Prehn Zavascki


O ministro Teori Zavascki veio a óbito na tarde desta quinta-feira (19) após o avião em que viajava cair no litoral de Paraty, no Rio de Janeiro. De acordo com tudo que foi divulgado até o momento, a morte se decorreu por um acidente, mas o fato não convenceu a todos. Personalidades da política, como a ex-deputada Luciana Genro (PSOL-RS) e a advogada Janaína Paschoal suspeitam da queda da aeronave ou sugerem que o acidente seja investigado pela Polícia Federal. Para elas, a morte é suspeita porque, sem Zavascki, o próximo relator da Operação Lava Jato pode ser definido pelo presidente Michel Temer (PMDB) (saiba mais aqui).



Foto: Reprodução / Twitter


O próprio Zavascki falou sobre ameaças sofridas por sua família, em junho de 2016. "Não tenho recebido nada sério", minimizou o ministro na época. O comentário foi consequência da repercussão de uma postagem de seu filho, Francisco Prehn Zavascki, no Facebook. "É óbvio que há movimentos dos mais variados tipos para frear a Lava Jato. Penso que é até infantil imaginar que não há, isto é que criminosos do pior tipo, (conforme o MPF afirma), simplesmente resolveram se submeter à lei. Acredito que a lei e as instituições vão vencer, porém, alerto: se algo acontecer com alguém da minha família, vocês já sabem onde procurar...! Fica o recado", compartilhou Francisco, no dia 26 de maio de 2016. Foi ele quem confirmou, nesta quinta, o falecimento do pai.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers