quinta-feira, 2 de março de 2017

Religião e sexo: Pastor evangélico é preso por abusar de quatro crianças entre 8 e 9 anos

 abusar de quatro crianças entre 8 e 9 anos

Crime: abuso sexual


Diariamente, notícias relativas a esse Crime são veiculadas em todos os meios de comunicação. Ainda assim, por sorte, a sociedade se escandaliza e pensa em maneiras de acabar ou amenizar esse crime horrendo. Geralmente, as maiores vítimas desses atos ilícitos são as mulheres, adolescentes e as crianças indefesas. A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), junto com a Polícia Civil do Ceará, conseguiram prender um homem suspeito de abuso de vulnerável, na manhã desta terça-feira (31). O suspeito de ter cometido os atos ilícitos não teve o seu nome revelado pelas autoridades, mas foi identificado apenas como sendo um pastor evangélico de 43 anos. O sujeito é para a polícia o principal suspeito de ter praticado violência sexual contra quatro meninas com idades de 8 a 9 anos. De acordo com informações da delegada Adriana Savi, a polícia começou o trabalho de investigação no início do mês de janeiro, após o Conselho Tutelar da cidade ter recebido denúncias relatando que quatro crianças estavam sendo vítimas de abusos sexuais cometidos pelo pastor. Em seguida, relatou o caso para a polícia tomar todas as medidas necessárias. Ainda de acordo com a delegada, no decorrer das investigações a polícia descobriu que uma das vítimas era a própria sobrinha do acusado.Segundo a delegada, o acusado já abusava das vítimas há cerca de dois meses e usava a própria sobrinha para atrair as outras meninas. Os exames feitos nas vítimas comprovaram os abusos cometido pelo pastor. O indivíduo foi preso na delegacia, ao se dirigir até o local para pegar informações sobre um Boletim de Ocorrência registrado por ele por furto e arrombamento em sua residência. Ele não sabia que já existia um mandado de prisão contra ele. Ao ser questionado sobre os abusos, ele negou todas as acusações. O caso está sendo investigado pela polícia da cidade a fim de encontrar novas vítimas.BN

Violência na Bahia: Jovem é morto a tiros na cidade de Mairi

 Jovem é morto a tiros na cidade de Mairi
Violência na Bahia: Jovem é morto a tiros na cidade de Mairi

Sempre a mesma forma de operar do crime - homens covardes que atiram e fogem numa moto


Na tarde desta quarta-feira, 1º de março de 2017, por volta das 14 horas, aconteceu um assassinato no bairro do Coqueiro, em Mairi. De acordo com informações de populares. dois homens desconhecidos que estavam armados, efetuaram vários disparos contra o jovem Maick Lima da Silva, conhecido como Maik, de 24 anos. Depois do crime, os atiradores fugiram em uma moto com destino ignorado. O jovem não resistiu o morreu no local. Ele era filho de Rube Cigano. A Polícia Militar e a Polícia Civil estiveram no local. O corpo será encaminhado para o Instituto Médico

ITIÚBA BAHIA: MENOR É APREENDIDO SUSPEITO DE ROUBO DE MOTO

  SUSPEITO DE ROUBO DE MOTO
ITIÚBA BAHIA: MENOR É APREENDIDO SUSPEITO DE ROUBO DE MOTO

Ação da Polícia


Na última terça feira (28/02/2017), A guarnição da 2ª Companhia Serra Brava – Itiúba, ao realizar buscas e abordagens, apreendeu o menor de vulgo Evinho, suspeito de roubar a mão armada uma moto no Povoado de Bela Vista de Cansanção, e praticar um arrastão em Rômulo Campos, junto com outros dois comparsas. O mesmo foi encaminhado a delegacia de Itiúba para as medidas correspondentes. O mesmo foi encaminhado. Salienta – se que tanto no assalto a motocicleta, quanto ao arrastão Evinho foi reconhecido, pois foi morador por muitos anos em Bela Vista e não fez muita questão de ocultar sua identidade, tratando as sus vitimas com desdém e desprezo. Informações PM/ Cidade em Notícias

Seca prolongada na Bahia: Após interrupção da irrigação em Ponto Novo, agricultores lamentam prejuízos

Seca prolongada: Após interrupção da irrigação em Ponto Novo, agricultores lamentam prejuízos - Foto: Felipe Fister/Web Interativa

Crise hídrica


Após o Governo do estado cortar a água para irrigação no município de Ponto Novo, não atendendo ao apelo dos irrigantes que pediam mais um mês de suprimento mínimo para manter a plantação viva, agricultores lamentam os prejuízos causados pela falta de água para irrigação das lavouras. O agricultor Estevão Alves relatou que por conta da interrupção a irrigação ficará impossibilitado em arcar com compromissos com o arrendamento da terra em que trabalha. “Terminando a colheita da banana eu não vou ter como pagar o arrendamento da terra, porque eu vivo arrendando terra para sobreviver e agora com esse fechamento da barragem eu não tenho como pagar arrendamento e em sobreviver do Projeto de Irrigação”. Afirmou o agricultor. Com os prejuízos, vêm os desempregos. Proprietários de lotes já realizam demissões, a falta de produção impossibilita a permanecia dos empregados. “Eu tinha três funcionários hoje eu tenho um e não sei nem se vou ficar com um só, se não vou ficar sem nada porque não tem como manter eles não, porque não tem produção, não tem nada, até eu vou viver de que?” Pergunta Adalberto Alves, também agricultor. Fonte: Web Interativa 


    Ponto Novo
Após o Governo do estado cortar a água para irrigação no município   Ponto Novo


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers