quinta-feira, 29 de junho de 2017

Pressa de Temer em anunciar nova PGR divide base aliada, aponta coluna

Foto: Beto Barata / PR / Fotos Públicas


A base aliada do governo de Michel Temer (PMDB) ficou dividida com o anúncio da nova titular da Procuradoria-Geral da República (PGR). O problema indicado por alguns aliados foi a pressa do presidente – o peemedebista anunciou Raquel Dodge como sucessora de Rodrigo Janot na noite desta quarta-feira (28), apenas um dia após a entrega da lista tríplice da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) (veja aqui). Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, o presidente deveria ter esperado que os candidatos ao posto "beijassem a mão do santo", ou seja, do próprio Temer. Raquel foi a segunda mais votada na lista, atrás do procurador Nicolao Dino. O terceiro mais votado foi o subprocurador-geral Mario Bonsaglia (saiba mais aqui).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers