terça-feira, 9 de maio de 2017

Enquanto Lula enrola e foge, Moro trabalha


Mortadelas chegam a Curitiba


Doze ônibus de cinco estados e do Distrito Federal chegaram hoje a Curitiba com cerca de 550 passageiros.


O CONTRA-ATAQUE DE JANOT! FROTA acata pedido de Moro e CANCELA caravana de ônibus a Curitiba   

Moro ouve testemunhas contra Lula



O juiz Sergio Moro continua a interrogar as testemunhas do processo sobre o terreno do Instituto Lula comprado pelo departamento de propinas da Odebrecht.
Hoje ele vai ouvir o arquiteto que visitou a área com Lula e a antiga proprietária da cobertura em São Bernardo do Campo registrada em nome do primo de José Carlos Bumlai.
Ele vai ouvir também o próprio José Carlos Bumlai, solto recentemente pela Segunda Turma de Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski.

A especialidade de Lula


Lula não precisa ter medo do interrogatório desta quarta-feira.
Como explicou o juiz Sergio Moro, ele tem o direito de mentir à vontade:
“O juiz, basicamente, faz perguntas, o acusado responde com direito ao silêncio e pode até faltar com a verdade.
Nossa legislação não prevê crime de falso testemunho para o acusado que vai a juízo e não fala a verdade.
Diferente do sistema norte-americano, onde o acusado depõe se a defesa requer e aí é obrigado a falar a verdade, sob pena de perjúrio”.

Acabou a amizade


A defesa de Dilma Rousseff pediu ao TSE que investiguem João Santana, Mônica Moura e Marcelo Odebrecht por falso testemunho.

Janete no centro do picadeiro


Dilma Rousseff deve ir a Curitiba para acompanhar o depoimento de Lula.
Segundo a Folha de S. Paulo, ela passou os últimos dias “fazendo o cálculo político do impacto de sua presença, visto que também é investigada na Lava Jato”.
Mas acabou decidindo comparecer.
O Antagonista apoia, é claro: quase todos os petistas que vão acompanhar Lula a Curitiba são investigados pela Lava Jato.
O circo lulista tem de mandar Janete para o centro do picadeiro.

Os milicianos de Lula



Os milicianos de Lula podem incendiar Curitiba.
Diz a Veja:
“Um dos maiores fornecedores de militantes para o evento será o MST de Quedas do Iguaçu, que, segundo uma investigação da Polícia Civil, mantinha uma espécie de milícia na região”.
Os líderes da gangue foram presos no ano passado, acusados de furto, dano qualificado, roubo, invasão de propriedade, incêndio criminoso, cárcere privado e porte de arma ilegal.


Ninguém está obrigado a bater uma DR no STF


Gilmar Mendes criticou Edson Fachin porque o relator da Lava Jato não conversou com os outros ministros da Segunda Turma antes de transferir para o plenário do tribunal os julgamentos de habeas corpus de presos na operação.
Gilmar Mendes conversou com Edson Fachin antes de desancar os procuradores da Lava Jato, da qual Fachin é relator, no julgamento do habeas corpus de José Dirceu?
Ninguém está obrigado a discutir a relação nesses casos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers