quinta-feira, 25 de maio de 2017

Após contar vantagens e inventar que levou estudante gostosa pra cama, jovem é obrigado pela justiça a desmentir tudo para não ser processado

Após contar vantagens e inventar que levou estudante gostosa pra cama, jovem é obrigado pela justiça a desmentir tudo para não ser processado

Em maio do ano passado, Lázaro Nascentes Dias inventou para seus amigos que teve relações sexuais com Izabela Stelzer. O rapaz de 26 anos forjou até mesmo uma conversa entre os dois por WhatsApp que foi compartilhada em grupos e acabou chegando ao namorado de Izabela. A jovem de 22 anos registrou, então, uma queixa contra Lázaro e conseguiu na Justiça, na última segunda-feira, que ele desmentisse, numa rede social, as alegações que fez sobre ela. Uma audiência de conciliação entre Izabela e Lázaro no 2° Juizado Especial Criminal de Vitória, no Espírito Santo, determinou que ele deve publicar um texto em seus perfis do Facebook e Instagram contando que mentiu sobre o caso para que a queixa de Izabela fosse arquivada. No texto, publicado nesta terça-feira, Lázaro se retrata: “desculpas a todos os envolvidos que se sentiram ofendidos pelos transtornos criados pela mentira (…) principalmente a ela, que foi diretamente atingida em sua honra, bem como, sua família e seu namorado.” Izabela compartilhou a publicação de Lázaro em seu perfil no Facebook e agradeceu o apoio de todos que acreditaram nela. A jovem ainda encorajou outras mulheres vítimas de situações parecidas a “irem atrás da justiça”. Segundo seu advogado, Augusto Goldner, Izabela ficou satisfeita com o acordo que foi feito: — Ela queria justiça e justiça para ela era uma retratação. Desde o começo a Izabela queria que o maior número de pessoas soubessem que aquilo era uma mentira. Com a repercussão que o caso teve, várias pessoas tiveram acesso à história e ela conseguiu desmentir o que ele falou.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers