sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Vitima fatal! Com tiro no peito, costureira é morta na frente de casa em cidade do RN

 na frente de casa em cidade do RN
Jocia Guedes foi morta com um tiro no peito (Foto: Reprodução/Facebook)

Crime covarde aconteceu em Jardim de Piranhas na noite desta quinta (29). Segundo a PM, Jocia Guedes estava na frente de casa quando foi morta.


Uma costureira de 21 anos foi morta com um tiro no peito na madrugada desta quinta-feira (29) na cidade de Jardim de Piranhas, na região Seridó potiguar. A Polícia Militar diz que dois homens em uma moto chegaram atirando. Ninguém foi preso. Segundo a PM, Jocia Joventina Guedes estava na frente da casa dela, por volta das 18h30, quando os dois homens se aproximaram. Ainda de acordo com a polícia, a dupla não levou nada e fugiu em seguida. Jocia sofreu um único tiro no peito. Vizinhos ainda a socorreram, mas ela não resistiu.

Gostosa! Dani Sperle posa sensual e faz simpatia para o ano novo

Popozuda e preparada


Dani Sperle posa de biquíni branco e já comemora o ano novo. Em uma sessão de fotos sensuais feita na Praia do Recreio, Zona Oeste do Rio de Janeiro, ela mostrou como se prepara para a chega de 2017. "A fé move a minha vida e basta acreditar que 2017 será um ano melhor e ter garra pra fazer isso acontecer na vida de cada um de nós que a coisa anda!", disse ela ao EGO. As curvas definidas de Dani são bem conhecidas durante o carnaval, mas a Musa da União da Ilha garante que quer tornear ainda mais o corpão. "Estou treinando diariamente", contou ela, que revelou uma surpresa para o dia do desfile na Sapucaí.








Dani Sperle (Fotos: Daniel Pinheiro/R2assessoria)

Gostosa! Thalita Zampirolli exibe cinturinha de pilão em clique só de biquíni na praia

Gostosa! Thalita Zampirolli exibe cinturinha de pilão em clique só de biquíni na praia

Popozuda e sensual

Thalita Zampirolli exibiu a cinturinha de pilão em clique só de biquíni. A modelo está curtindo férias em Guarapari, no Espírito Santo. A imagem foi postada pela beldade no Instagram. O corpão de Thalita é fruto de muita malhação. Ela, inclusive, não descansa nem aos domingos. Recentemente, a modelo ousou no look para ir à academia. Ela apostou num top decotado e recebeu elogios dos fãs. "Pense numa galega linda", escreveu um internauta. "Aí, sabe ser bonita", postou outro. A cinturinha de Thalita sempre rouba a cena. No mês passado, ela exibiu o corpão em foto só de biquíni e com os cabelos molhados. "Seja você descabelada, mas está valendo. Corpinho em dia", brincou a modelo numa rede social.



Rede Social: WhatsApp deixa de funcionar em alguns aparelhos

Modelos antigos não terão mais o WhatsApp (Dado Ruvic/Reuters/VEJA/VEJA)

Modelos e sistemas antigos, que caíram em desuso, não conseguirão mais utilizar o serviço de mensagens.

O serviço de mensagens WhatsApp vai parar de funcionar em alguns modelos antigos em 2017. Em outras palavras, só poderá ser usado até sábado, dia 31 de dezembro, em modelos que rodam Android 2.1 ou 2.2, Windows Phone 7 e iPhone 3GS/iOS6 – sistemas que já caíram em desuso. Publicidade No fim de junho junho de 2017, o WhatsApp deixará de funcionar também no Blackberry OS, Blackberry 10, Nokia S40 e Nokia Symbian S60.

O estereótipo da primei­ra-dama: A estreia de Marcela Temer

 A estreia de Marcela Temer
O estereótipo da primei­ra-dama: A estreia de Marcela Temer

Com uma agenda nacional que começa a ser cumprida em janeiro, a primeira-dama é a nova aposta para tentar alavancar os índices de popularidade do governo


O estereótipo da primei­ra-dama dedicada a cuidar apenas do marido e da família parecia encaixar-se perfeitamente no perfil de Marcela Temer. Em 2010, quando Michel Temer foi eleito vice-presidente da República, ela nem sequer quis morar em Brasília. Tímida e avessa a badalações, preferiu ficar em São Paulo, longe dos holofotes, dedicando-se ao filho, Michelzinho, hoje com 7 anos. A ascensão de Temer ao Planalto, porém, mudou radicalmente os planos de Marcela, embora não o seu comportamento. No papel de primei­ra-dama desde 21 de agosto, quando Temer assumiu definitivamente a Presidência da República, ela quase não se fez ouvir até agora. Marcela apareceu aqui e ali, sempre de maneira discreta e protegida por seguranças que impedem a aproximação de jornalistas. A ordem era preservá-la, mantê-la afastada das intrigas típicas do poder. Os cuidados tiveram efeito contrário. Em praticamente todos os eventos aos quais compareceu, Marcela chamou atenção, despertou curiosidade e, mesmo sem pronunciar uma palavra, produziu o que os marqueteiros chamam de “uma agenda positiva”. Os assessores do presidente Temer decodificaram esses sinais. Perceberam que a ressurreição da figura da primeira-dama pode ajudar a melhorar a imagem do governo, e agora querem alçá-la ao papel de protagonista.

Casada há treze anos com Michel Temer, ela se mudou recentemente para Brasília (na foto, no salão de beleza)


No início do governo, Marcela tornou-se “embaixadora” do Programa Criança Feliz e ganhou um gabinete no Palácio do Planalto. Era uma função meramente protocolar. Nos últimos dois meses, com investimento e foco, a primeira-dama passou a submeter-se a um intenso programa de treinamento, que inclui contatos com alguns dos maiores especialistas em políticas para a primeira infância. A estreia no novo papel está marcada para meados de janeiro. Ninguém admite publicamente, mas, nos bastidores, o Planalto espera que “o frescor que a imagem de Marcela pode prover”, segundo um assessor, renda dividendos também ao governo do marido, visto com simpatia por menos de 10% dos brasileiros e acossado pelo desempenho fraco na economia e pelo avanço da Operação Lava-Ja­to. Será um desafio e tanto. “Pelo perfil que o presidencialismo tem, mesmo uma primeira­-dama que tenha muito preparo e que seja muito querida não atinge mais que 5% da visibilidade do presidente. É uma posição muito mais decorativa do que qualquer coisa”, diz o cientista político Rubens Figueiredo. Colaborou Juliana Linhares

A juventude foi passada sem luxos em Paulínia

Boa forma! Sheila Mello curte Florianópolis com o marido e a filha

 Sheila Mello curte Florianópolis
Sheila Mello e a família (Foto: Reprodução / Instagram)

Boa forma


Sheila Mello viajou para Florinaópolis na companhia do marido, o ex-nadador Fernando Scherer, e a filhinha deles, Brenda. "E a vida segue me tratando bem graças a Deus", agradeceu a atriz. A boa forma de Sheila exibida na foto é fruto de malhação e muitas aulas de dança. Em uma aula, ela escreveu: "Derreter como mel... né @flavioverne delícia!". Os seguidores da loira a encheram de elogios. "Você arrasa diva", "Maravilhosa" e "Que Deus te ilumine sempre, musa nos palcos e nas passarelas! Você dá show sempre!" foram alguns dos comentários.





Gostosa! Denise Dias se refresca do calor do Rio com banho de mangueira na laje

  banho de mangueira na laje
Gostosa! Denise Dias se refresca do calor do Rio com banho de mangueira na laje

Molhada e sensual


O verão mal começou e a temperatura já está subindo vertiginosamente. Nesta terça-feira, 27, foi registrado o dia mais quente do ano no Rio - com sensação térmica de 47ºC em Guaratiba segundo o Centro de Operações. De acordo com o Alerta Rio, a máxima estava prevista para 40º C, no entanto, moradores e banhistas da praia da Barra da Tijuca registraram 45º C nos termômetros de rua do bairro. Como lidar?


Para Denise Dias, não tem tempo ruim - nem quente demais. A musa fitness colocou o biquininho e foi se refrescar do calor no melhor estilo "garota da laje", com direito a banho de mangueira. "Sinto falta de me divertir com o calor. Lembro muito da minha infância, na casa da minha vó: era banho de mangueira sempre. Chegava da escola e juntava os primos para brincar. Era uma farra. E é isso: a pessoa tem que encontrar uma maneira de viver feliz e bem dentro das condições que ela tem. Se a pessoa não tem uma piscina em casa ou uma praia perto, não tem necessidade de passar calor e deixar de se divertir. Acho que vale muito um banho de mangueira para, pelo menos, tentar se divertir com esse calor que tá fazendo", diz ela, que aproveitou a laje da Rainha do Bronze em Vila Valqueira na Zona Oeste do Rio para curtir o dia. Para a musa fitness o verão é mesmo uma boa oportunidade de se divertir. Sem esquecer de se refrescar: "Eu amo o verão! Lá no meu prédio tem uma piscina bem bacana, que eu costumo aproveitar para pegar um solzinho na parte da manhã... Me sinto energinzada. Sem contar que gosto muito de ir a praia. Geralmente vou em dia de semana, porque fim de semana fica muito cheio. Preciso ir mais cedo para atualizar o bronzeado". Mesmo quando não dá tempo para um mergulho, Denise Dias encara o chuveirão gelado para fugir do calor. "Quando estou em casa é o tempo inteiro com ar-condicionado e ventilador ligados. Com certeza esse vai ser o verão da conta de luz bombando! Sem contar que dou uma corridinha e tomo banho o tempo



Denise Dias (Fotos: Anderson Barros/EGO)

Sensual! Mayra Cardi exibe barriga sequinha em clique só de biquíni

  clique só de biquíni
Sensual! Mayra Cardi exibe barriga sequinha em clique só de biquíni

Gostosa e sensual


Mayra Cardi deixou a mulherada morrendo de inveja nesta terça-feira, 27. Dois dias depois do Natal, a ex-BBB exibiu o corpo em forma em clique só de biquíni em sua conta no Instagram. Na imagem, a barriga sarada da beldade roubou a cena. "Natal passou e essa semana precisamos focar, comer direto para entrar o ano bem leve, de mente, peso e, principalmente, com promessas sendo executadas por nós mesmos", escreveu Mayra na legenda do clique. Na última quarta-feira, 21, Mayra contou no Instagram que voltou a malhar. Na ocasião, ela posou com Guto Demeski, o profissional responsável por sua reabilitação após uma cirurgia na coluna. "Bom dia produção. Esse é o fisioterapeuta responsável pela minha recuperação pós-cirurgia. Muito obrigada pela dedicação com meu caso, afinal, era para eu voltar a malhar em seis meses, mas com 40 dias eu já estava de volta. Reaprender a andar é uma mágica. Só sabe quem sente na pele. Muito obrigada", escreveu ela.


Desrespeito ao eleitor de Belmonte na Bahia: Jânio Natal continua na AL-BA e deixa prefeitura de Belmonte com irmão


Quando os políticos vão respeitar os eleitores?


Após quase três meses de suspense, o deputado estadual Jânio Natal (PTN) confirmou que não vai assumir a prefeitura de Belmonte, para a qual foi eleito pela terceira vez. Ele vai permanecer na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) e deixa o comando do município nas mãos do irmão, Jenival Natal. Caso renunciasse ao cargo de deputado, Uziel Bueno (PTN) assumiria a vaga. As especulações tiveram fim nesta quinta-feira (29), quando a AL-BA publicou a agenda da posse dos suplentes, marcada para a próxima segunda-feira (2). Fonte: Bocão News

Comentário: É uma vergonha, que políticos gananciosos e sedentos por poder, ainda continuem desrespeitando seus eleitores! Caso o senhor Jânio Natal, não quisesse ser prefeito, poderia ter ficado na dele e não ter feito o povo de idiota! É um tremendo descompromisso com a população que acreditou em suas promessas! Com que cara ele vai a sua cidade agora, olhar olho no olho do eleitor, pra dizer que seus projetos de poder são mais importantes que o povo de sua cidade... Que o povo gravem bem, a forma como está sendo tratado e possa dar o troco no futuro! Será que ele chegou a falar algo no palanque sobre essa manobra vergonhosa e gananciosa?

Doce ilusão! Políticos creem que Moro e Lava Jato perderam credibilidade

  Moro e Lava Jato perderam credibilidade
Foto: Reuters / Adriano Machado

Políticos do PT e do PMDB acreditam que a Operação Lava Jato e o juiz federal Sérgio Moro perderam a credibilidade ao longo deste 2016. A informação é da coluna Panorama Político, publicada nesta sexta-feira (30) no jornal O Globo. A publicação reforça que a crença dos petistas e peemedebistas é baseada na convicção de que Moro e o Ministério Público politizaram as investigações.

Comentário: como se a opinião desses políticos investigados e sem credibilidade nenhuma, tivesse algum valor! Se o MPF e Moro supostamente politizaram as investigações, os políticos enlamearam a política brasileira e não tem moral pra atacar quem tá tentando limpar este país. Isso não passa de choro de perdedor e de quem tá desesperado, procurando uma brecha pra se livrar da Lava jato! O que é pior, politizar ou enlamear o país na corrupção como fizeram todos esses políticos delatados?

Banho de Nutella, Brasil Quebrado e Kátia Ludmilla #OtarioNews @CanalDoOtario


Corrupção Lucrativa, Redução dos Salários, Presidenta Inocenta e Aeroporto de Demônios #OtarioNews

Feliz 2017, Corte de Cargos Comissionados e Aumento do Salário Mínimo #OtarioNews @CanalDoOtario


100% Ladrão, Super-salários e Neymar & Medina #OtarioNews @CanalDoOtario

  

Governadores: Rui Costa foi governador que mais prometeu e mais cumpriu metas em metade do mandato

 metas em metade do mandato
Governadores: Rui Costa foi governador que mais prometeu e mais cumpriu metas em metade do mandato

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), foi o gestor que mais fez promessas de campanha entre os eleitos em 2014, mas também o que mais cumpriu as metas estabelecidas. De acordo com levantamento feito pelo G1, com base em programas de governo registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), entrevistas e debates, Rui garantiu que tomaria 115 medidas ao longo dos quatro anos de governo. Em metade do mandato, o petista já cumpriu, total ou parcialmente, 57 delas. O segundo a mais fazer promessas durante a campanha foi o governador do Amazonas, José Melo (PROS), que garantiu 107 medidas. Destas, 31 foram cumpridas ao menos de forma parcial. Melo também foi o governador que teve mais promessas não cumpridas até o momento, com 76 que ainda não foram nem iniciadas. Neste quesito, Rui Costa fica em segundo em número de questões não resolvidas, com 58. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), foi o segundo em número de questões resolvidas: foram 38 cumpridas total ou parcialmente, contra 20 que não foram solucionadas em dois anos. Veja abaixo o Top 5 em número de promessas e de medidas cumpridas ou não. por Rebeca Menezes
 
Número de promessas:
Rui Costa (Bahia): 115
José Melo (Amazonas): 107
Beto Richa (Paraná): 76
Ricardo Coutinho (Paraíba): 66
Jackson Barreto (Sergipe): 61
 
Promessas cumpridas:
Rui Costa (Bahia): 57
Geraldo Alckmin (São Paulo): 48
Beto Richa (Paraná): 34
Marconi Perrilo (Goiás): 33
José Melo (Amazonas)/ Jackson Barreto (Sergipe): 31
 
Promessas não cumpridas:
José Melo (Amazonas): 76
Rui Costa (Bahia): 58
Beto Richa (Paraná): 42
Ricardo Coutinho (Paraíba): 36
Suely Campos (Roraima): 31

Ministério libera R$ 77,5 milhões para obras e equipamentos escolares na Bahia

 equipamentos escolares na Bahia
Ministério libera R$ 77,5 milhões para obras e equipamentos escolares na Bahia

Educação

O Ministério da Educação liberou nesta quinta-feira (29) R$ 77,5 milhões ao estado da Bahia por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O valor será distribuído entre 286 prefeituras municipais e à Secretaria Estadual de Educação (que fica com R$2,85 milhões). “Esses repasses são direcionados à execução do Plano de Ações Articuladas (PAR) e preveem o pagamento de obras, compra de equipamentos escolares e brinquedos, além de aquisição de ônibus do programa Caminho da Escola”, explica o ministro da Educação, ministro da Educação, Mendonça Filho. As obras compreendem creches do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos da Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), escolas, quadras poliesportivas e cobertura de quadras. Os equipamentos escolares incluem itens como fogões, ar condicionado, mobiliário escolar e outros. "Obras retomadas significam empregos retomados, então a notícia vem em boa hora” explica o Presidente do FNDE, Silvio Pinheiro, ex-secretário na prefeitura de Salvador e que tomou posse no órgão federal este mês.

Plenário ou monocrática? Gilmar Mendes permite posse de três prefeitos que o TSE considerava inelegíveis

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Pra que serve colegiado?

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, permitiu que três candidatos considerados inelegíveis tomem posse como prefeitos neste domingo (1º). A decisão beneficia Sebastião de Barros Quintão (PMDB), de Ipatinga (MG), Luiz Menezes de Lima (PSD), de Tianguá (CE), e Geraldo Hilário Torres (PP), de Timóteo (MG). Eles foram os mais votados em suas cidades, mas, por condenações do ano de 2008 que os tornaram inelegíveis, haviam tido os registros indeferidos para as eleições de 2016 por decisões do próprio TSE. A Corte tem adotado o entendimento de que o impedimento deve durar oito anos, de acordo com a Lei da Ficha Limpa, mesmo em casos de condenações anteriores à criação da legislação, em 2010. Antes, o prazo de inelegibilidade era de três anos. Os candidatos entraram com recurso pedindo que o impedimento fosse apenas de três anos, com base na lei anterior, e, assim, o registro deles para 2016 fosse liberado. De plantão no recesso judiciário, Gilmar Mendes - que havia sido voto vencido em discussões no TSE sobre a retroatividade da Ficha Limpa - concedeu as liminares favoráveis aos três. O ministro argumentou que a discussão sobre a retroatividade da Lei da Ficha Limpa está tramitando no Supremo Tribunal Federal (STF) com o julgamento suspenso por um pedido de vista, mas com quatro votos favoráveis à tese dos candidatos. Segundo ele, "a não concessão de eficácia suspensiva neste momento poderá acarretar realização de eleições suplementares possivelmente desnecessárias, caso o STF decida favoravelmente ao candidato eleito". O ministro também ressaltou que "a presente decisão não tem conteúdo de irreversibilidade (...), considerando que, caso o STF decida contrariamente à tese do candidato, os procedimentos para a realização de eleições suplementares serão providenciados pelos órgãos da Justiça Eleitoral". Ele também determinou que uma cópia da decisão seja encaminhada à presidência do STF, como forma de registrar que o assunto ainda precisa de uma definição da Corte. Sebastião Quintão, que agora poderá tomar posse em Ipatinga (MG), estava impedimento devido a condenações por abuso de poder econômico e captação ilícita de recursos na campanha eleitoral de 2008. Geraldo Hilário Torres, agora liberado para assumir a prefeitura de Timóteo (MG), teve uma condenação em 2008 por abuso de poder e captação ilícita de sufrágio. Luiz Menezes de Lima, que era prefeito de Tianguá (CE) em 2008, foi condenado naquele ano por ter praticado abuso de poder em benefício de Natalia Félix e Anastácio Aguiar, então candidatos a prefeito e vice-prefeito. por Breno Pires | Estadão Conteúdo

Comentário: Nós cidadãos comuns, que vemos esses embate dentro dos poderes, ficamos aqui nos perguntando, pra que que serve colegiado, se ministros agora vivem passando por cima do plenário pra impor suas ideias a todo custo? Vimos isso no Supremo com a prisão em segunda instância e agora, vemos volta e meia, Gilmar Mendes querendo impor suas ideias aos colegas de STF e TSE! Preocupante isso...

Morde e assopra! Temer liberou bilhões em emendas parlamentares para acalmar base no Congresso

Cadê a crise? Só pro povão?

O presidente Michel Temer liberou cerca de R$ 3,7 bilhões em emendas parlamentares para deputados e senadores, que deverão ser pagas integralmente até esta sexta-feira (30). De acordo com o colunista Gerson Camarotti, do G1, a intenção do presidente é “acalmar” a base do governo depois de vetar parcialmente o Regime de Recuperação Fiscal aprovado pelo Congresso, dentro da discussão sobre a renegociação das dívidas dos estados. "A liberação das emendas serve como afago aos parlamentares da base aliada um dia depois de ter tomado uma medida hostil ao Congresso", teria explicado um interlocutor de Temer. Em pronunciamento nesta quinta (29), o presidente classificou a decisão como um “fato inédito”.

Comemorado, corte de cargos gera economia que só paga 6% do aumento de servidores

Foto: Beto Barata / PR

Como gerar emprego criando mais desempregados?


O governo anunciou na tarde desta quinta-feira (29) a extinção de 4.689 funções e cargos comissionados da administração federal. O corte vai gerar economia de R$ 240 milhões por ano. Horas depois de comemorar a redução da folha de pagamento, o Ministério do Planejamento divulgou o reajuste salarial de oito categorias de servidores federais que gerará gasto extra de R$ 3,8 bilhões só em 2017. Ou seja, a economia com o corte de pessoal equivale a apenas 6,3% do gasto extra com o aumento salarial. O reajuste dos servidores será pago a partir de 2017 de forma parcelada até 2019. Nesse período, o impacto total do gasto extra sobre o caixa do governo deve alcançar R$ 11,2 bilhões. O aumento beneficiará oito carreiras: auditor da Receita Federal e do Trabalho, perito médico previdenciário, carreira de infraestrutura, diplomata, oficial de chancelaria, assistente de chancelaria e policial civil dos ex-territórios. Antes do aumento, o salário inicial de um auditor fiscal da Receita já superava os R$ 15 mil e atingia mais de R$ 22 mil no fim de carreira. por Fernando Nakagawa | Estadão Conteúdo

Comentário: não entro no mérito se tá correto ou não essas extinções, até porque sabemos que muitos desses cargos são desnecessários. Porém fico me perguntando como o Temer quer combater o desemprego, gerando mais desemprego? É hilário isso!

Educação: Mendonça Filho defende urgência da reforma do ensino médio

  reforma do ensino médio
Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

O ministro da Educação, Mendonça Filho, aproveitou o anúncio da inclusão de escolas de Pernambuco no Programa de Fomento à implementação da Escola em Tempo Integral para rebater críticas à reforma do ensino médio, criada pela Medida Provisória (MP) 746/2016, em tramitação no Senado. Segundo Mendonça Filho, apesar de ter sido proposta por MP, a reforma já vinha sendo discutida com participação da sociedade. “A reforma do ensino médio repousa no Congresso Nacional há cinco anos. Apesar de todo esse tempo – 20 anos de discussão e cinco anos de tramitação – ainda tem quem diga que precisa de mais tempo para debate e discussão", criticou, de acordo com a Agência Brasil. “Um milhão de jovens com 17 anos não estão cursando o ensino médio. O desempenho em português e matemática hoje é pior do que há 20 anos. Mesmo num quadro dramático como esse, ainda se tem coragem de afirmar que não tem que ter pressa para reformar o ensino médio”, argumentou o ministro em discurso para uma plateia de políticos e profissionais da educação. Além de setores da sociedade e da área educacional contrários à reforma do ensino médio – incluindo estudantes que ocuparam escolas em todo o país -, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, questionou a constitucionalidade da MP 746/2016 por considerar que o assunto não tem requisitos de urgência que justifiquem a edição de uma medida provisória. Mendonça Filho, no entanto, disse que não se referia a Janot ao defender a MP em seu discurso durante o evento. “Até porque o procurador não criticou especificamente, ele se posicionou em relação à constitucionalidade. [A resposta] é mais especificamente a grupos políticos que se utilizam da educação como plataforma de embate político. E eu acho que a educação tem que estar acima das divergências políticas e ideológicas”, alegou.

Desemprego: Governo extingue 4,6 mil cargos e calcula economia de R$ 240 milhões por ano

 R$ 240 milhões por ano
Esplanada dos Ministérios | Foto: Ana Volpe/ Agência Senado

O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, anunciou nesta quinta-feira (29) a extinção de 4.689 cargos em comissão e funções de confiança no governo federal até julho de 2017, como resultado da reforma administrativa. A estimativa é que o corte leve a uma economia de R$ 240 milhões por ano. No total, serão 1.602 funções de confiança e 3.087 cargos de direção extintos. Do início de 2015 até agora, houve redução de 30% de cargos nos ministérios, segundo Oliveira. Segundo a Agência Brasil, alguns cargos e funções já foram desocupados, outros serão extintos gradualmente, em 1º de janeiro, 31 de março e, por último, em 31 de julho do ano que vem. “Os [cargos] com prazo [de extinção] até março e julho estarão ocupados até esse prazo, porque a transição do serviço público não dá para simplesmente tirar imediatamente as pessoas da função. O órgão tem que reestruturar a equipe para não haver descontinuidade dos serviços. Em alguns casos demos um prazo até julho para que haja a desocupação dos cargos”, explicou.

Crise e má gestão: Cidades do Rio encerram 2016 sem pagar servidores e até sem prefeito

Foto: Reprodução / TV Globo

A crise financeira que paralisa o Estado do Rio atingiu municípios da Região Metropolitana, que passam os últimos dias de 2016 sob forte crise e sem comando. Com queda na arrecadação, algumas cidades estão com salários de servidores atrasados, serviços de coleta de lixo suspensos e greves. Para completar, há prefeito recebendo ordem de prisão e até chefe de Executivo municipal que desapareceu. Na quarta-feira (28), a Justiça do Rio decretou a prisão do prefeito de São Gonçalo, Neiton Mulim (PR), por crime de desobediência de ordem judicial. O prefeito, que concorreu à reeleição nas eleições de outubro e foi derrotado, não pagou os salários dos funcionários da rede municipal de ensino como havia determinado a Justiça. Em despacho, o desembargador Peterson Barroso Simão ressaltou que Mulim, além de não respeitar a decisão, ainda age de forma a dificultar o recebimento da ordem judicial. O político passou parte da quinta (27) na capital, "tratando da sua defesa", segundo assessores. São Gonçalo é o segundo maior município do Rio, com mais de 1 milhão de habitantes, mas é basicamente uma cidade-dormitório, com pouca atividade econômica e população predominantemente de baixa renda. Já o prefeito de Mesquita sumiu. É o que asseguram servidores municipais, que estão com os salários atrasados desde outubro - mesmo mês em que Gelsinho Guerreiro (PRB) não conseguiu conquistar a reeleição. Guerreiro não aparece em seu gabinete desde então e também não é encontrado em sua casa, em Nova Iguaçu, município vizinho na Baixada Fluminense. Enquanto isso, o lixo se acumula nas ruas de Mesquita, onde a coleta está suspensa, por problemas no pagamento. Nesta quinta-feira, servidores da saúde de Duque de Caxias pararam o trabalho porque seus salários estão atrasados. Eles alegam ainda não ter recebido os vencimentos relativos a novembro e o décimo terceiro salário. Em Itaguaí e Belford Roxo, a situação é parecida. Até mesmo o site da prefeitura de Belford Roxo estava fora do ar, na tarde desta quinta. A crise financeira que assola os municípios da Baixada Fluminense, em parte, é motivada pela queda de arrecadação com os royalties do petróleo e do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). São duas das causas do colapso financeiro que também atinge o Estado do Rio. Na contramão da queda de arrecadação está o gasto com pessoal nos municípios. Cidades como Nova Iguaçu e Mesquita, por exemplo, comprometem quase 60% de seu orçamento com o pagamento do funcionalismo, de acordo com estudo divulgado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) este ano. A análise levou em conta os dados de 2015. por Márcio Dolzan | Estadão Conteúdo

Decisão monocrática: 99% das liminares do STF são realizadas individualmente

  STF são realizadas individualmente
Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Dados do projeto Supremo em Números, realizados pela FGV Direito Rio, apontaram que 99% das liminares concedidas pelo Supremo Tribunal Federal (STF) são realizadas individualmente por ministros, contra 1% coletivamente. Há 27 anos, 85% das decisões provisórias eram proferidas pelo Plenário ou pelas turmas e apenas 15% eram ordens monocráticas. Uma das explicações para a mudança é o aumento do número de processos que chegam ao STF, algo entre 80 e 90 mil. O tempo de concessão das liminares foi invertido em 1989, o Plenário ou as turmas levavam 28 dias para proferir uma decisão provisória, e os ministros demoravam 725 dias. Agora em 2015, os magistrados gastavam 65 dias para dar uma ordem desse tipo, e o colegiado, 414 dias.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers